24/09/2018 iGUi Ecologia 0Comment

O que as plantas fazem quando ficam com fome?

Quando nós ficamos com fome, pegamos um lanche na geladeira ou despensa. Você provavelmente está ciente de que as plantas precisam da luz solar, da água e do solo para crescer, mas de onde tiram a comida? A resposta é surpreendente: elas produzem sua própria comida!

Processo de FotossínteseAs plantas são chamadas autotróficas porque podem usar a energia da luz para produzir sua própria fonte de alimento. Muitas pessoas acreditam que estão “alimentando” uma planta quando colocam adubo ou regam a planta, mas nenhuma dessas coisas é considerada comida. Em vez disso, as plantas usam a luz solar, a água e os gases no ar para produzir glicose, que é uma forma de açúcar que as plantas precisam para sobreviver. Este processo é chamado de fotossíntese e é realizado por todas as plantas, algas e até mesmo alguns microorganismos. Para realizar a fotossíntese, as plantas precisam de três coisas: dióxido de carbono (CO2), água (H2O) e luz solar.

O processo de fotossíntese ocorre nas folhas das plantas. As folhas são feitas de células muito pequenas, dentro dessas células existem pequenas estruturas chamadas cloroplastos. Cada cloroplasto contém uma substância química verde chamada clorofila que dá às folhas sua cor verde. A clorofila absorve a energia do sol e é essa energia que é usada para dividir as moléculas de água em hidrogênio e oxigênio. O oxigênio é liberado das folhas para a atmosfera e o hidrogênio e o dióxido de carbono são usados para formar glicose ou alimento para as plantas. Parte da glicose é usada para fornecer energia para o crescimento e desenvolvimento das plantas, enquanto o restante é armazenado em folhas, raízes ou frutas para uso posterior pelas plantas, e é essa glicose armazenada que também serve de alimentos para os animais que se alimentam das plantas. Herbívoro

Seria impossível exagerar a importância da fotossíntese na manutenção da vida na Terra. Se a fotossíntese acabasse, logo haveria pouca comida e matéria orgânica na Terra. A maioria dos organismos desapareceria e, com o tempo, a atmosfera da Terra se tornaria quase desprovida de oxigênio gasoso. Os únicos organismos capazes de existir sob tais condições seriam algumas bactérias quimiossintéticas, que conseguem extrair energia de compostos inorgânicos e não dependem da conversão da energia da luz.