06/08/2015 iGUi Ecologia 0Comment

Em um experimento realizado em agosto de 2014, cientistas do NOAA Fisheries e do Vancouver Aquarium conseguiram avaliar o estado nutricional de uma família de orcas de diferentes faixas etárias. O estudo obteve imagens a partir de um drone localizado aproximadamente 40 metros acima dos animais na costa leste do Canadá. Essa distância demonstrou ser adequada pois os animais não mostraram nenhuma mudança de comportamento ao serem filmados.

A figura 01 descreve uma orca extremamente magra (esquerda), que segundo os cientistas veio a óbito poucos dias depois e um animal saudável (direita).

Figura 01. Orca muito magra à esquerda e na direita um exemplar em perfeito estado nutricional. Fonte NOAA
Figura 01. Orca muito magra à esquerda e na direita um exemplar em perfeito estado nutricional. Fonte NOAA

Na figura 02 verificaram uma família com indivíduos de diferentes faixas etárias. O animal de coloração mais branca é o mais novo e nasceu no ano da pesquisa. Já o outro filhote que está um pouco acima dele tem provavelmente dois anos de idade. Nesta foto, os cientistas também puderam concluir que a mãe do filhote nascido no ano da pesquisa estava aparentemente bem de saúde, conseguindo manter sua forma e amamentar seu filhote sem ter nenhum déficit nutricional, pois o leite destes animais são extremamente calóricos.

Figura 02. Família de Orcas. Fonte NOAA
Figura 02. Família de Orcas. Fonte NOAA
Figura 3. Gravidez comprovada pela fotografia. Fonte NOAA
Figura 3. Gravidez comprovada pela fotografia. Fonte NOAA

A figura 03 mostra, na região superior da imagem, uma outra orca com estado nutricional ruim. Porém, a orca localizada na parte inferior da imagem apresenta uma “barriga” mais proeminente do que os outros animais, indicando uma gravidez.

Com esse novo instrumento de pesquisa é possível ter uma visão melhor da saúde dos animais como um todo e também de cada indivíduo. As orcas estudadas vivem em uma região de intensa atividade pesqueira o que pode interferir no desenvolvimento dos animais.

Veja o vídeo abaixo da imagem dos animais.