05/07/2018 iGUi Ecologia 0Comment

Todas as espécies de baleias que você pode ver são fascinantes, mas de vez em quando um exemplo único desses mamíferos marinhos chama a atenção das pessoas em todo o mundo. Migaloo é uma delas e talvez a baleia jubarte mais famosa do mundo. Sua ausência de pigmentação devido ao albinismo permite que as pessoas o identifiquem facilmente e relatem avistamentos. Ele foi visto pela primeira vez em 1991 em Byron Bay, na Austrália, por um grupo de voluntários conduzindo uma contagem de baleias.Migaloo Jubarte com albinismo

Os cientistas foram inicialmente céticos em afirmar que o Migaloo tem albinismo por que seus olhos são marrons, em vez do típico vermelho ou rosa. No entanto um estudo de seu DNA feito em 2011 descobriu que ele possui uma variação genética que leva ao albinismo. Testes genéticos confirmaram outro fato sobre Migaloo: ele é um macho. Os cientistas já sabiam que esse era o caso por causa de sua música. Enquanto baleias jubarte macho e fêmea podem produzir sons, apenas os machos cantam canções.

Migaloo uma rara baleia albinaPor muito tempo Migaloo foi a única baleia branca conhecida no mundo todo, embora os pesquisadores já tivessem avistados baleias com 90% do corpo branco. Até que em 2011 pesquisadores avistaram um filhote de baleia com o corpo todo branco também na costa da Austrália, ela foi batizada de Chalkie e alguns o chamam de Migaloo Junior, no entanto não é confirmado que seja um filhote do Migaloo.

Os pesquisadores acreditam que Migaloo nasceu em 1986 e esperam que ele viva por mais 20 anos. Como é um animal raro e fácil de ser reconhecido, Migaloo tem ajudado os cientistas a entender melhor as migrações de baleias na costa da Austrália.

Veja o vídeo desse incrível animal: