11/10/2022 iGUi Ecologia 0Comment

Um farmacêutico gaúcho, Rodrigo Hoff, criou um sistema de tratamento de água capaz de retirar dela agrotóxicos, fertilizantes, medicamentos e outras substâncias tóxicas, por meio de um processo de destilação que utiliza a energia solar! Ele é o Reacqua!

Segundo o autor do invento, ele será capaz de conseguir “limpar” grandes quantidades de água, de forma contínua, como por exemplo aquelas de dejetos de mineração.

Um detalhe muito interessante é que o projeto não utiliza energia elétrica, nem bateria, somente a energia solar. Ou seja, o processo se baseia no procedimento de evaporação e condensação da água, um destilador solar, pois quando há condensação, segundo o autor, não há mais presença de contaminantes. Este projeto foi utilizado anteriormente como dessalinizador de água salgada, sendo que o formato de pirâmide faz com que a energia solar seja otimizada, fazendo com que toda a reação seja feita mais rapidamente.

O primeiro modelo lançado há alguns anos, por Rogert Fulginetti Corseuil e Ronaldo Dias Neves, no LARA-RS (Laboratório Regional de Apoio Animal) purificava 4 litros de água por metro quadrado do reservatório contaminado, o que foi considerado baixo pelo autor. A partir de então novos modelos estão sendo desenvolvidos para atuarem com mais eficiência e menor custo na Lagoa da Conceição, em Florianópolis. Torcendo aqui para que dê certo!!!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *