21/01/2020 iGUi Ecologia 0Comment

Dois garis, Kennedy Danilo e Romildo Souza, do município de Umuarama, no Paraná fizeram um vídeo (popularmente conhecido como tutorial), de como o seu lixo, principalmente os perfurocortantes, como os vidros, devem ser acondicionados para que eles não machuquem os garis. Outra dica do vídeo é como armazenar o seu lixo na rua para que ele possa ser recolhido corretamente, ou seja: não pendure seu lixo em postes ou árvores, coloque em lixeiras apropriadas. Caso você não tenha, solicite ao seu vizinho para utilizar a dele. Outro destaque importante é saber no seu bairro quais são os dias da semana que o caminhão de lixo passa para recolher. Evite deixar na lixeira por dias esperando a coleta, pois animais podem rasgar e espalhar o lixo.

https://www.facebook.com/kennedypalmeiras/videos/10214078970278447/

Mas vale lembrar que o mais importante é separar e reciclar o seu lixo, porém mesmo levando o vidro para reciclagem ele deve ser acondicionado de maneira correta.

Vamos lá para algumas dicas de como separar o seu lixo:

  • Não misture recicláveis com orgânicos (sobras de alimentos, cascas de frutas e legumes). Coloque plásticos, vidros, metais e papéis em sacos separados.
  • Lave as embalagens do tipo longa vida, latas, garrafas e frascos de vidro e plástico. Seque-os antes de depositar nos coletores.
  • Papéis devem estar secos. Podem ser dobrados, mas não amassados.
  • Embrulhe vidros quebrados e outros materiais cortantes em papel grosso (do tipo jornal) ou em garrafa pet para evitar acidentes.
  • Garrafas e frascos não devem ser misturados com os vidros planos.

Mas vale algumas dicas, conforme o Ministério do Meio Ambiente:

Papéis: todos os tipos são recicláveis, inclusive caixas do tipo longa-vida e de papelão. Não recicle papel com material orgânico, como caixas de pizza cheias de gordura, pontas de cigarro, fitas adesivas, fotografias, papéis sanitários e papel-carbono.

Plásticos: 90% do lixo produzido no mundo são à base de plástico. Por isso, esse material merece uma atenção especial. Recicle sacos de supermercados, garrafas de refrigerante (pet), tampinhas e até brinquedos quebrados.

Vidros: quando limpos e secos, todos são recicláveis, exceto lâmpadas, cristais, espelhos, vidros de automóveis ou temperados, cerâmica e porcelana.

Metais: além de todos os tipos de latas de alumínio, é possível reciclar tampinhas, pregos e parafusos. Atenção: clipes, grampos, canos e esponjas de aço devem ficar de fora.

Isopor: Ao contrário do que muita gente pensa, o isopor é reciclável. No entanto, esse processo não é economicamente viável. Por isso, é importante usar o isopor de diversas formas e evitar ao máximo o seu desperdício. Quando tiver que jogar fora, coloque na lata de plásticos. Algumas empresas transformam em matéria-prima para blocos de construção civil.

Agora é com você!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *