08/01/2019 iGUi Ecologia 0Comment

As imagens da virada do ano nas praias brasileiras são de chocar! Como é possível tanto lixo junto? Será que não seria possível cada um levar o seu lixo de volta para casa?

Como colocar lixeiras nas praias se a quantidade de lixo chega a ser mensurada em toneladas? Só nas praias do Rio de Janeiro, de acordo com o site O GLOBO foram aproximadamente setecentas toneladas! Ou seja, seria aproximadamente 17 baleias jubartes de lixo! Nessa mesma reportagem ainda cita um cidadão que joga o lixo no chão porque sabe que em poucas horas alguém vai pegar. Esse foi o ano novo com mais lixo registrado nas praias cariocas. Fortaleza

Porém essa situação também foi registrada em muitas cidades litorâneas do país, como por exemplo, em Pernambuco foram recolhidas 61 toneladas somente em Recife. No Paraná, nas praias de Guaratuba, Matinhos e Pontal do Paraná, foram retiradas 27 toneladas de lixo. Em Florianópolis foram removidos das praias 17 toneladas de lixo.

Mas em outras cidades bem distantes da praia, a quantidade de lixo deixada pela população é assustadora… em Manaus, na Amazônia, 90 toneladas de lixo foram recolhidas da zona Sul da zona Norte e do complexo turístico de Ponta Negra. Em Porto velho, em Rondônia, 2 mil sacos de lixos foram utilizados para retirar o lixo acumulado após o Show da Virada realizado em frente à Estrada de Ferro Madeira-Mamoré (EFMM).

Será que não seria melhor deixar o lixo no local? Assim todos poderiam sentir na pele o que é viver em um ambiente sujo, mas por outro lado se não limparmos os animais serão os mais prejudicados, como vem sendo e aumentando a cada ano.

Em 2018 flagrei gaivotas se alimentando de lixo na praia do Forte, em Cabo Frio ( https://www.facebook.com/iguiecologia/videos/349120375608615/). No meu dia a dia, encontrar lixo no estomago e intestino dos animais é rotina, uma triste realidade. Nós mesmo estamos estragando a casa onde vivemos. A frase de uma gari em Florianópolis foi impressionante e retratou muito bem os dias atuais, “vivemos em um período onde o ser humano sabe manusear muito bem um aparelho de celular, mas não sabe o que fazer com uma garrafa!”

Se cada um fizer a sua parte, tanto os órgãos públicos, privados e os cidadãos serão beneficiados! Cuide do seu lixo!

SIM O PROBLEMA É NOSSO…