05/03/2021 iGUi Ecologia 0Comment

Semana passada, na sede da iGUi Ecologia, recebemos um paciente muito especial e com um bico enorme! Sim, um tucano!

Ele foi encontrado na cidade de São Pedro da Aldeia, na região dos Lagos, no Rio de janeiro, e trazido para a reabilitação.

Foi realizado todos os exames necessários para a sua recuperação! E a ave se recuperou super bem! Mas o que ela mais gostava de fazer era ficar no balanço sossegada, pois na hora de trocar o curativo ela ficava muito brava!

Mas será que o bico é pesado? Não, pois é formado de tecido ósseo esponjoso, o que o torna leve não prejudicando o equilíbrio na hora de voar e muito resistente, pois também é feito de queratina, como a nossa unha!

Mas, por que essa ave tem esse bico enorme? Segundo pesquisadores o tucano tem o maior bico em relação ao tamanho do corpo do que qualquer outra ave, chegando a ser 1/3 do seu comprimento total.

Os tucanos dissipam calor através dele, ajudando a regular a temperatura do corpo. Os pesquisadores compararam o bico com um radiador, resfriando e mantendo o calor do corpo da ave. Isso é decorrente de uma rede de vasos sanguíneos que podem aumentar ou restringir o fluxo de sangue nele. Isso tudo foi possível graças a utilização de câmeras infravermelho (Visão térmica).

Nem Darwin conseguiu explicar o porquê do tamanho do bico do animal! E viva a tecnologia!!

Ahhh, nosso paciente já voltou para a natureza!!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *