07/12/2020 iGUi Ecologia 0Comment

Semana passada recebemos uma Garça-moura (Ardea cocoi) para atendimento no centro de reabilitação. Ela é uma ave da ordem Pelecaniformes, família Ardeidae, conhecida também como maguari, socó-de-penacho, baguari (Pantanal), mauari (Amazônia), garça-parda (Rio Grande do Sul), garça-morena e joão-grande.

É uma ave de grande porte com aproximadamente 125 cm de altura e 1,80 m de envergadura. Ela vive solitária quando não está no período reprodutivo, ficando na beira de lagos de água doce, rios, estuários, manguezais e alagados, pescando peixes, sapos, rãs, pererecas, caranguejos, moluscos e pequenos répteis.  

No período reprodutivo que vai de janeiro a outubro, os ninhos são feitos nas plataformas de galhos e os ninhais ficam na parte superior das árvores, próximos a outras aves aquáticas. Nascem 3 a 4 filhotes, depois de 29 dias de postura, que são chocados e cuidados pelo casal.

Essa ave pode ser encontrada em todo território brasileiro. Outro dia, encontramos uma próxima ao centro com um peixe na boca…

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *