29/07/2019 iGUi Ecologia 0Comment

Você sabia que os manguezais são peças-chave no combate as mudanças climáticas? foto de mangue Esse ecossistema contribui tanto na adaptação de seus impactos, como na fixação de carbono, contribuem para a biodiversidade, além disso atuam na proteção contra tempestades, minimizando o impacto e assegurando a integridade ambiental nas regiões costeiras e ainda mais, são berçários para diversas espécies de peixes e mariscos e com isso são essenciais para a subsistência de muitas comunidades costeiras.

Estudos recentes mostram que os manguezais são um dos ecossistemas mais produtivos do planeta, quase 75% das espécies de peixes marinhos que possuem interesse comercial dependem dos manguezais para seu desenvolvimento, já que são berçários.

foto do lixo que vai parar nos manguesO que assusta é que apesar de sua importância, aqui no Brasil os manguezais são muito vulneráveis, e adivinha quem traz mais ameaça à esse ecossistema? Nós!

No dia 26/07 é comemorado o dia Mundial de proteção aos manguezais, e mesmo com um dia especialmente para ele, ainda encontramos uma ocupação desordenada ao longo da costa brasileira que vem causando perda e fragmentação deste habitat! Porém, um ponto positivo é que na última década, essa ocupação desordenada está sendo denunciada e encaminhada ao poder público, incluindo o Ministério do Meio Ambiente (MMA). Inclusive, o MMA coordena o Projeto de Conservação Efetiva e Uso Sustentável dos Manguezais no Brasil em Áreas Protegidas – GEF- Mangue, cujo objetivo, de acordo com o MMA: “ é desenvolver e fortalecer uma rede de áreas protegidas para o ecossistema dos mangues no Brasil, por meio de mecanismos políticos, financeiros e regulatórios; do manejo ecossistêmico da pesca; da coordenação dos instrumentos de planejamento territorial com a gestão das unidades de conservação e da disseminação dos valores e funções dos manguezais. Com esse projeto, pretende-se construir a base para a melhoria da conservação e do uso sustentável dos manguezais do país.” foto de mangue

Mas em contra partida, temos o novo código florestal permite o uso de parte deste ambiente para atividades como a carcinicultura (técnica de criação de camarões em viveiros).

Outro ponto importante a ser comentado é que além de sua importância ambiental e cultural, os manguezais também são fonte de alimento para muitas famílias localizadas na zona costeira. Um exemplo disso é a extração do Caranguejo-uçá (Ucides cordatus), foto extração do Caranguejo-uçá - alimento para muitas famílias localizadas na zona costeirarealizada de forma artesanal, em praticamente toda a costa brasileira. Tal extração é uma das mais significativas em vários estados brasileiros, principalmente nas regiões norte e nordeste. E a maioria das áreas onde essa pratica ocorre é dentro de Unidades de Conservação de Uso Sustentável nomeadas Reservas Extrativistas (Resex). As Resex são definidas no Artigo 18 da Lei n° 9.985/2000 como “uma área utilizada por populações tradicionais cuja sobrevivência baseia-se no extrativismo e, complementarmente, na agricultura de subsistência e na criação de animais de pequeno porte, e tem como objetivo básico proteger os meios de vida e a cultura dessas populações, e assegurar o uso sustentável dos recursos naturais da unidade”.

Agora cabe a nós a fiscalizar os planos e projetos de preservação e conservação que existem no Brasil, para assegurar que os manguezais estão sendo realmente conservados para garantir e coexistir em futuras gerações!