21/02/2016 iGUi Ecologia

Apesar da pouca distância marítima entre o Atol das Rocas e o continente Sul-Americano (270 km de Natal-RN), esse conjunto recifal era pouco mencionado nas rústicas cartas náuticas do século XVI. Além disso, a conformação do atol, com rochas pouco maiores que a altura de uma pessoa, não facilita a visualização durante a navegação, e levou à ocorrência de frequentes naufrágios. Mesmo com a crescente menção ao atol nos documentos náuticos ao longo dos anos, o número de acidentes intensificou-se devido ao aumento da frota mercante entre a América do Sul e a Europa. Vários naufrágios deixaram destroços que podem…

15/02/2016 iGUi Ecologia

Famoso pela elevada quantidade de sal nas suas águas, o mar Morto na verdade é um lago de água salgada também chamado de Lago Asfaltite. Situado no Oriente Médio, no interior da Palestina, é um lago pequeno com 82 Km de comprimento e 18 km de largura (a título de comparação, o mar Cáspio, maior lago do mundo, tem 1200 km de comprimento e 450 km de largura). O mar Morto é o local de maior salinidade do mundo, próximo a 35%, enquanto no oceano o grau de salinidade é em torno de 5%. Por esse motivo nenhum animal ou…

14/02/2016 iGUi Ecologia

Iniciamos a temporada 2016 de microchipagem de tartarugas marinhas na Reserva Biológica do Atol das Rocas, o único atol do Oceano Atlântico Sul. Mas afinal, o que é um atol? A maioria dos atóis, sobretudo os do Oceano Pacífico, são originados pelo crescimento de um anel de colônias de corais ao redor de uma ilha vulcânica. Posteriormente, o cume da ilha rebaixa-se devido a processos geológicos, ficando sob o nível do mar e originando uma laguna central profunda rodeada por recifes coralinos e ilhas arenosas: um atol! No caso do Atol das Rocas, o principal organismo formador dos recifes não…

12/02/2016 iGUi Ecologia

Com uma área de 69 000 km² (quase a mesma da Irlanda) entre os territórios da Tanzânia, do Quênia e de Uganda, na África, o lago Vitória é o maior lago do continente africano, o maior lago tropical no mundo e o segundo maior lago de água doce no mundo em termos de área. Por ser a segunda maior reserva de água doce do mundo tem uma enorme importância para os três países africanos citados acima, além de fornecer água para parte da população estima-se que 3 milhões de pessoas dependam diretamente do lago para o seu sustento. Infelizmente, também…

07/02/2016 iGUi Ecologia

Começamos essa semana, com o nosso primeiro diário de bordo! Neste ano, as equipes já estão formadas e todo mês uma dupla de pesquisadores estarão relatando para vocês como é a realização da microchipagem além de descrever como é o dia-a-dia no único Atol do Atlântico Sul. Nesta expedição contaremos com dois pesquisadores: Luciano Abel e Karoline Ferreira. Luciano é bacharel e licenciado em ciências biológicas e mestre em genética e evolução pela Universidade Federal de São Carlos. Possui aperfeiçoamento internacional na Hand Köll Institut (Alemanha) e na Dalhousie University (Canadá). Atuou profissionalmente no Centro de Biotecnologia Molecular Estrutural e…

03/02/2016 iGUi Ecologia

A pesca é a captura da vida selvagem aquática, assim como a caça nos ambientes terrestres. A relação dos homens com a pesca é tão antiga quanto a própria história. Antes mesmo de desenvolver técnicas de criação de animais e agricultura, o homem primitivo tinha a pesca como fonte de alimentos. A princípio, os peixes eram capturados com arpões, no final do paleolítico (mais conhecido como Idade da Pedra Lascada, refere-se ao período da pré-história que aconteceu cerca de 2,5 milhões a.C., quando os antepassados do homem começaram a produzir os primeiros artefatos em pedra lascada) surgiu o anzol e…

27/01/2016 iGUi Ecologia

Aquífero é uma formação geológica subterrânea que funciona como reservatório de água. É formado por rochas porosas e permeáveis que retém a água da chuva, mas também permite sua movimentação. Quando a água passa pelos poros das rochas ocorre um processo natural de filtragem tornando os aquíferos fontes importantíssimas de água doce potável que serve como proveitosa fonte de abastecimento, fornecendo água para poços e nascentes em proporções suficientes. Existem várias formas de classificar os aquíferos, as mais comuns são de acordo com o armazenamento da água e tipo de rocha armazenadora. Quanto ao armazenamento: Livres: possuem uma base impermeável e…

05/01/2016 iGUi Ecologia 1Comment

Quando pensamos no volume de água consumido por cada pessoa, logo pensamos apenas na água utilizada para tomar banho, beber, cozinhar e lavar. Com isso esquecemos de um volume considerável de água que nós consumimos indiretamente: a água utilizada na produção de alimentos, na fabricação e transporte de produtos e etc. Para saber qual a quantidade de água utilizada na produção de bens e serviços utilizados por nós, existe a Pegada Hídrica. Assim como a Pegada Ecológica (http://www.iguiecologia.com/pegada-ecologica/ ), a Pegada Hídrica nos ajuda a entender o impacto causado pelos nosso estilo de vida no meio ambiente e como reduzi-lo….

22/12/2015 iGUi Ecologia

Queima de combustíveis fósseis, emissões de gases industriais e desmatamento geralmente são associados ao aquecimento global, mas essas atividades humanas também são responsáveis por um grave problema ambiental: a acidificação dos oceanos. O dióxido de carbono (CO2) dissolvido altera o equilíbrio químico da água, causando a diminuição do pH e, consequentemente, o aumento da acidez. Esse processo ocorre porque 30% do dióxido de carbono emitido pela ação do homem é absorvido pelos oceanos. Quando a água (H20) e o gás (CO2) se encontram é formado o ácido carbônico (H2CO3) que se dissocia, ou seja se “quebra”, na água formando os…

15/12/2015 iGUi Ecologia

Eutrofização é o aumento da concentração de nutrientes, especialmente fósforo e nitrogênio, nos ecossistemas aquáticos, que tem como consequência o aumento de produtividade primária, principalmente algas e fitoplâncton. Apesar de geralmente estar associado à ação humana, também pode acontecer de forma natural, o chamado “envelhecimento natural do lago”, que é um processo lento e contínuo e os nutrientes são trazidos pelas chuvas que lavam a superfície terrestre. O despejo de esgoto doméstico (principalmente produtos de limpeza e excrementos humanos), dejetos industriais (principalmente das indústrias de processamento de alimentos) e fertilizantes químicos causam a eutrofização artificial, que tem a mesma consequência…